Semas realiza Ações no Maior São João do Mundo e Romero Rodrigues recebe visita de Oficial da ONU

Prefeito Romero Rodrigues e José Ribeiro, representante da OIT
Durante todo o mês de junho a Secretaria da Assistência Social de Campina Grande (Semas) desenvolveu várias ações por meio das Diretorias de Proteção Social Básica e Proteção Social Especial. Foram atividades principalmente de prevenção e combate à violação de direitos da Criança e do Adolescente durante a realização do evento O Maior São João do Mundo, que neste ano foi realizado no período de 08 de junho até 08 de julho, levando uma multidão ao Parque do Povo, aos Distritos de Campina Grande, Vila do Artesão e atraindo milhares de turistas do Brasil e do Mundo.

Achados e Perdidos – A Semas disponibilizou, durante os festejos do São João um espaço para recepção de objetos achados e perdidos. O serviço funcionou na cidade cenográfica, instalada no Parque do Povo, mais precisamente na réplica do Telégrafo Nacional, ao lado do prédio da réplica Catedral.

O serviço oferecia aos forrozeiros e turistas um cadastro onde o cidadão, ao chegar no Parque do Povo, informava alguns dados simples (nome completo, endereço residencial e telefone para contato). Os objetos que foram encontrados passaram pela busca no sistema de dados, facilitando a localização.

Quando os proprietários dos objetos achados, por algum motivo, na maioria, por retorno às suas cidades de origem, não podiam comparecer para que fossem devolvidos, o serviço fez o envio através do Correios.

       
Ação Intersetorial – A Ação Intersetorial, o carro chefe das ações desenvolvidas pela Semas durante O Maior São João do Mundo, realizou ações de adesivagem das barracas e quiosques no Distrito de Galante como também no Parque do Povo. Foram fixados cartazes da campanha, coordenada pela Prefeitura de Campina Grande, através da Semas, com o apoio do Ministério Público Federal do Trabalho, em parceria com a Vara da Infância e Juventude do Tribunal de Justiça  da Paraíba, Ministério Público da Paraíba, secretarias municipais e outras instituições que compõem a Rede de Proteção a Crianças e ao Adolescente (Redeca).

Os técnicos da Assistência orientaram os barraqueiros e comerciantes sobre a importância do combate à exploração do trabalho infantil, venda e comercialização de bebida alcoólica para menores de 18 anos e a exploração sexual no período junino.

Aproximadamente 45 técnicos sociais realizaram um trabalho de abordagem e acolhimento dessas crianças e adolescentes, que foram identificados em situação de vulnerabilidade social, exploração do trabalho infantil e sexual. As equipes da Semas realizaram as orientações e os encaminhamentos necessários aos serviços que a situação demandava.

    
O Maior São João do Mundo chama a atenção da ONU – Na edição de 2018 do Maior São João do Mundo a Organização Internacional do Trabalho, uma das agências da Organização das Nações Unidas (ONU), enviou um técnico para conhecer e fiscalizar, in loco, o trabalho desenvolvido pela Prefeitura de Campina Grande por meio da Semas na Ação Intersetorial.

O oficial de Projetos da Organização Internacional do Trabalho (OIT), José Ribeiro, não só visitou e conheceu O Maior São João do Mundo como também assegurou, ao prefeito Romero Rodrigues, a possibilidade concreta do fechamento de uma parceria entre a Prefeitura e a Organização Internacional do Trabalho (OIT) que completará 100 anos de fundação em 2019.


Oficial de Projetos da Organização Internacional do Trabalho (OIT), José Ribeiro
Ficou definido que a entidade formalizará a sua participação no evento de Campina Grande, com o objetivo de fortalecer as ações de combate ao trabalho infantil, assim como a diminuir os casos de crianças e adolescentes em situação de risco. “Estamos presentes em grandes eventos mundiais, como a Copa do Mundo de Futebol, e não poderíamos estar de fora do Maior São João do Mundo”, enfatizou o oficial da OIT.
Fonte: Codecom
COMPARTILHE