Artesanato movimenta Vila Nova da Rainha e artesãos se dizem satisfeitos com vendas

O artesanato campinense tem sido o diferencial na Vila Nova da Rainha, que está funcionando na área inferior do Parque do Povo, onde ocorre o Maior São João do Mundo deste ano. Cerca de 15 permissionários da Vila do Artesão e de outras cidades paraibanas estão expondo e comercializando seus produtos no espaço, com uma diversidade de tipologia que têm encantado turistas e visitantes do local.imagemA artesã, Maria de Fátima Monteiro Nascimento que confecciona bonecas de pano disse que, apesar da crise que assola o país, está satisfeita com as vendas. Ela assegurou que tem trabalhado diariamente para dar conta da demanda. “Muitas vezes, ainda estou fazendo a peça e os turistas esperando. Eles gostam de nos ver trabalhar. Apesar das dificuldades que temos enfrentado no país, estou satisfeita com as vendas”, destacou a artesã.

imagem

Filha de uma família humilde, Maria de Fátima revela que seu primeiro contato com o artesanato foi na sua infância. Ela queria brincar com bonecas, mas não condições de comprar e começou a fazer bonecas a partir de retalhos que conseguia com outras pessoas. “Minha vontade de brincar com bonecas era grande e minha mãe não podia comprar. A partir daí, eu mesma comecei a fazer minhas bonecas e até hoje não parei mais”, disse.imagemJá a artesã, Rafaele Castro de Aguiar que trabalha com MDF, recorte a laser, tem feito grande sucesso no espaço da Vila Nova da Rainha. Ela afirmou que tem vendido muitas peças de pequeno porte, a exemplo de chaveiros, imã de geladeira, porta retrato, porta celular, caixa de chá, porta batom, bloquinho de folha, porta chaves. Ela explicou que a preferência dos turistas se dá por peças menores que não ocupem muito volume.imagem“Este ano as vendas estão menores que anos anteriores, mas nada que possa comprometer nosso trabalho. Estamos trabalhando diariamente para não deixar faltar produtos artesanais para todos os turistas que nos visitam neste período e desejam levar uma lembrança da nossa cidade, da nossa cultura, do nosso Maior São João do Mundo”, frisou Rafaele.imagem
Fonte: Codecom
COMPARTILHE