Autor: Notícias PMCG

Covid-19: Prefeitura de Campina Grande distribuiu mais de 3 mil refeições aos moradores em situação de rua

Desde início do período de quarentena, medida restritiva para o trânsito de pessoas que busca diminuir a velocidade de transmissão do Covid-19, equipes da Secretária Municipal da Assistência Social (Semas) realizam uma força tarefa para manter o atendimento aos moradores em situação de rua. Entre os dias 25 de março e 03 de maio foram […]

05/05/2020 17h21 Atualizado há 3 anos

Desde início do período de quarentena, medida restritiva para o trânsito de pessoas que busca diminuir a velocidade de transmissão do Covid-19, equipes da Secretária Municipal da Assistência Social (Semas) realizam uma força tarefa para manter o atendimento aos moradores em situação de rua. Entre os dias 25 de março e 03 de maio foram distribuídas cerca de 3,5 mil refeições (café, almoço e jantar), para o público que utiliza a unidade móvel do banho (Banho de Cuidados). Todos são acompanhados pelo Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP).

Essas medidas foram ampliadas neste período de quarentena, porque a população que vive nas ruas de Campina Grande está entre os grupos mais fragilizados e expostos à infecção pelo novo Coronavírus (Covid-19). Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), por não seguirem as recomendações de higiene adequadas, assim como o distanciamento e o isolamento social, há um elevado risco de contágio entre os integrantes deste grupo. A falta de informações sobre a prevenção e acesso aos serviços básicos de saúde, além da vulnerabilidade econômica, também estão entre os principais motivos.

Ações intensificadas – Por determinação do Prefeito Romero Rodrigues, neste período de pandemia a Semas intensificou o atendimento itinerante à população mais vulnerável e aos moradores de rua. As equipes da Semas também realizam encaminhamentos para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento), CAPS, Cadastro Único e a unidade de acolhimento Irmã Zuleide Porto. O Centro POP realiza ainda a chamada busca ativa, em locais descentralizados, à procura de pessoas que necessitam do amparo social do Poder Publico. Cada usuário pode ser atendido e encaminhado para essas unidades quantas vezes forem necessárias.

A Semas, por meio do Centro POP, realizou também um mapeamento e identificou na cidade a existência de aproximadamente 100 moradores de rua e pessoas em situação de rua e vulnerabilidade social. Segundo a coordenadora do Centro POP, Mônica Loureiro, a maior dificuldade, no atendimento e acompanhamento desse público, acontece porque eles sempre estão em trânsito, migrando de bairros e até para cidades localizadas próximas a Campina Grande.

Ações na Pandemia – O projeto Banho de Cuidados leva um carro adaptado, adquirido na atual gestão, com dois chuveiros que dispõem de água morna para fazer a higiene dos moradores de rua. O veículo esta sendo utilizado, todos os dias, por técnicos sociais que trabalham em sistema de revezamento, obedecendo às orientações do distanciamento social.

Também estão sendo distribuídos kits de higiene pessoal e roupas (oriundas de doações), além de repassadas orientações sobre a importância da higienização, distanciamento social e os encaminhamentos para os que desejam ser recebidos na Unidade de Acolhimento Irmã Zuleide Porto, que foi reformada e adaptada para receber mais pessoas durante o período de pandemia.

Fonte: Codecom


Ao continuar navegando no nosso portal, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Para ter mais informações, acesse nossa página de Política de Privacidade

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support