Equipe de Karatê da Vila Olímpica Plínio Lemos encerra 2019 comemorando muitas conquistas

Heptacampeã paraibana de forma consecutiva. Esta foi uma das conquistas da equipe de Karatê da Vila Olímpica Plínio Lemos neste ano. Sob o comando do Sensei Antônio Guedes, ainda vieram os primeiros lugares no Open Paraíba, na Copa AABB e na Copa Lar Fabiano de Cristo.imagem“Na parte competitiva nós temos 32 atletas em condições de competir em qualquer lugar do território nacional. São cerca de 110 alunos, dos quatro aos 73 anos de idade, onde trabalhamos o karatê também como promotor de educação, da saúde e da qualidade de vida”, destacou o Sensei Antônio Guedes.imagemA equipe teve ainda 12 caratecas, convocados para a Seleção Paraibana, que disputaram os Campeonatos Brasileiros Regular, Escolar e Universitário. Entre os destaques individuais estão Breno Guedes e Thomas Anderson, ambos com 12 anos de idade. Breno é faixa preta e Thomas, faixa verde.imagemOs dois se sagraram Campeões Brasileiros Escolares em 2019. Thomas foi considerado o atleta revelação durante o prêmio “Os 10 Mais da Associação de Karatê Sport Center” (Askasc). Para Breno Guedes, o trabalho realizado na Vila Olímpica Plínio Lemos foi muito importante para as conquistas.imagem“Este ano o trabalho foi contínuo, visando as principais competições de alto nível. Sempre com um bom rendimento. Sempre lembrando que, ano que vem, eu vou ter que continuar treinando firme para manter o ritmo e continuar na minha posição”, declarou o carateca Breno Guedes.imagemKaratê – A modalidade esportiva é oferecida pela Prefeitura de Campina Grande, por meio da Secretaria de Esporte, Juventude e Lazer (Sejel). As aulas acontecem nas segundas, quartas e sextas-feiras, a partir das 19h, e são abertas para todas as faixas etárias.

“O Karatê da Vila Olímpica está de Parabéns. Nosso trabalho é contínuo, de janeiro a dezembro. Esse trabalho só vem a engrandecer a cidade e valorizar o nosso esporte através da Sejel. Quem tiver interesse em participar pode procurar o professor Guedes, no Plínio Lemos, que nós faremos a ficha e a pessoa já começa a treinar”, disse o secretário de Esportes, Teles Albuquerque.

Fonte: Codecom
COMPARTILHE