Preceptores de Residência Médica passam por formação do Proadi-SUS e Hospital Sírio Libanês

Preceptores de Residência Médica passam por formação do Proadi-SUS e Hospital Sírio Libanês

A Secretaria de Saúde de Campina Grande segue qualificando o seu Programa Municipal de Residência Médica, que foi implantado em 2016 no Município. Depois da adesão ao Exame Nacional de Residência (Enare), agora os preceptores estão passando por uma formação especializada para atuação. Os preceptores são profissionais responsáveis pela orientação dos residentes nas atividades relativas ao campo de atuação.

O curso de preparação dos profissionais é desenvolvido pelo Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi) e os preceptores de Campina Grande estão sendo treinados pela apoiadora e facilitadora de processos educacionais do Hospital Sírio Libanês, Maria Hercília Valadares.

O projeto já é executado há mais de dois anos e a primeira reunião presencial aconteceu nesta quarta-feira, 1, na Secretaria de Saúde de Campina Grande, com a comissão gestora local, que envolve representantes da Comissão de Residência Médica (Coreme) de Campina Grande, da Comissão de Residência Multiprofissional (Coremu) da Paraíba, das Universidades Estadual da Paraíba e Federal de Campina Grande Conselho Municipal de Saúde.

A comissão vai indicar 20 preceptores para o curso de formação, que vai acontecer de fevereiro de 2022 a outubro de 2023. Ao final, eles vão elaborar uma proposta de intervenção nas mais variadas especialidades de atuação para o melhoramento da atividade de preceptoria.

“Os preceptores recebem e treinam os residentes hoje com a capacidade e a experiência que eles já têm e agora terão formação, elementos educativos, ferramentas especializadas para a função de preceptoria. O ganho que nós temos em Campina Grande para participantes e cidadãos é o ganho na melhoria da qualificação desses profissionais, que certamente se reproduz na melhoria do atendimento prestado ao cidadão”, disse Hercília.

Campina Grande já preparou centenas de médicos para a atuação através da Residência Médica, desde 2016, nas áreas de Medicina de Saúde da Família e Comunidade, Pediatria, Neonatologia e Ginecologia e Obstetrícia.

Codecom

Compartilhar