Prefeitura de Campina Grande realizou 84 espetáculos no Teatro Municipal Severino Cabral no ano de reabertura ao público

Eventos têm coordenação da Secult e a produção multimídia que mais atraiu público foi o Zabumba Lá

No último ano de retorno do público ao Teatro Municipal Severino Cabral, após um longo período de restrições de segurança devido à pandemia do novo coronavírus, 84 eventos culturais foram realizados pela Prefeitura de Campina Grande, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Secult). O Teatro também foi palco de outros 100 eventos privados. Quase oito mil ingressos foram retirados pelo público no canal Sympla.

O Municipal é considerado um dos maiores teatros e mais bem equipadas casas de espetáculos do Nordeste, segundo a secretária municipal de Cultura. “É o nosso templo das artes. Um grandioso equipamento que não parou de funcionar mesmo em pandemia, com o palco sendo usado para a produção de lives. Agora, o Teatro está retomando as atividades com o público, que também faz parte da cena artística”, ressaltou Giseli.

O pico pela procura dos ingressos ocorreu em maio. O programa Zabumba Lá foi responsável por 842 ingressos, dos 1.882 distribuídos no mês. O maior acesso à bilheteria eletrônica foi pelo celular, com retirada de 82% dos ingressos.

De acordo com a direção do Teatro Municipal foram 100 eventos, realizados por terceiros ao longo dos 12 meses, sem contar com os eventos corporativos e religiosos, não produzidos pela Secult.

“Cada evento, para o Teatro, significa 10 horas de trabalho triplicadas, já que envolvem, diretamente, três equipes – técnica, de eventos e da limpeza. Significa, portanto, 84 eventos representando 25.200 horas de trabalho. Gostaria de deixar meu reconhecimento pelo envolvimento do pessoal do Teatro Municipal para que pudéssemos atingir estas estatísticas”, detalhou o diretor do Teatro, Carlos Alan Peres.

No período de um ano, o Teatro começou a receber o público. Primeiro, de forma híbrida, com eventos sendo transmitidos ao vivo. A partir de maio deste ano, com a totalidade das cadeiras disponíveis, o equipamento voltou a lotar.

Eventos

O programa Zabumba Lá foi realizado neste ano a partir do dia 20 de maio. A primeira homenagem foi a de Biliu de Campina. No dia 27, houve homenagem à artista Marinês, a Rainha do Xaxado. No dia 8 de junho foi a vez de Diomedes, O Dedo de Ouro. E no dia 15, Parafuso, dos 3 do Nordeste.

Destaques, do ano passado, foram o 46° Festival de Inverno de Campina Grande (FICG) realizado em agosto e, em dezembro, o Natal Iluminado com diversas atrações. Outros eventos que também atraíram o público ao Teatro, já este ano, foram a Via Sacra (em março) e o Seminário da Dança (mês de abril).

Codecom

Compartilhar