Prefeitura de Campina realiza “Dia D do Folclore” prospectando a valorização da cultura popular

Programação tem maratona de oficinas gratuitas dentro do espectro do Folclore

A Prefeitura de Campina Grande, por meio da Secretaria de Cultura (Secult), realizará uma série de oficinas no “Dia D do Folclore”, na próxima segunda-feira, 22, no Centro Cultural Escola Parque – Lourdes Ramalho. A data escolhida é de extrema importância para a Cultura Popular por, justamente, marcar o Dia do Folclore, que tem o intuito de valorização das manifestações folclóricas no país.

A maratona cultural inicia a partir das 9h e segue pela manhã e tarde. O Centro Cultural, uma das maiores escolas de arte-educação da região, receberá, além do alunado da própria instituição, qualquer pessoa que desejar participar, até a lotação das turmas.

O Dia D do Folclore foi definido pela secretária de Cultura, Giseli Sampaio, como uma forma de desmistificar o que Folclore na prática, o entendendo como um conjunto de manifestações que retratam a personificação da nossa cultura.

Centro Cultural

“Folclore é tudo aquilo inerente a quantificar e qualificar o valor cultural de um povo. É uma importância incomensurável entendê-lo dentro desse princípio de preservação. É algo único, exclusivo, que só existe naquele lugar e com aquela identidade”, reforçou a secretária.

Confira abaixo a programação:

09h
Oficina de Brinquedos Folclóricos;
Arte-educadora: Carmem Sheila.

10h
Oficina Danças Folclóricas;
Arte-educador: Júnior Brilhante.

14h30
Oficina Brincadeiras e Cantigas;
Arte-educador: Roberto Gomes.

15h30
Oficina de Pífano;
Arte-educador: Silvio Silva.

Codecom

Compartilhar