Primeira-dama e Secretário recebem doações do Banco do Brasil à Saúde Mental

Nesta sexta-feira, 3, representantes do Banco do Brasil em Campina Grande oficializaram uma doação de dezenas de objetos de mobiliário para a rede de saúde mental da Secretaria Municipal de Saúde. A doação foi recebida pela primeira-dama, a psicóloga Juliana Figueiredo Cunha Lima, e pelo secretário de Saúde, Dr. Gilney Porto, além da coordenadora do programa Saudavelmente, Lívia Sales.

A agência Borborema do BB fez uma doação de dezenas de móveis como mesas, birôs, armários, gaveteiros e aparelhos de ar-condicionado. O material já está sendo utilizado no Centro de Atenção Psicossocial II Novos Tempos e uma parte dos objetos será redirecionada para outras unidades da própria rede de saúde mental e para outros serviços da Secretaria de Saúde. A entrega foi realizada pelo gerente geral da agência Borborema, Alexandre Barbosa, e pelo gerente de relacionamento, Fernando de Souza Ribeiro.

“Uma ação muito importante. Nós estamos muito felizes com essas doações porque nós precisamos muito dessa parceria para que possamos unir esforços para atender bem a população, então essa iniciativa do Banco do Brasil fazendo essa doação veio em um momento importante e todas essas doações vão ser muito bem aproveitadas no serviço”, disse a primeira-dama, madrinha do programa de saúde mental no município.

O Caps II, unidade que recebeu a maior parte das doações, passou por mudança de endereço recentemente, indo para um local maior e com mais infraestrutura para atender ainda melhor os cidadãos. O Caps II Novos Tempos fica na Rua Santa Cecília, no bairro Santo Antônio, por trás do McDonald’s Drive.

Os objetos vão ajudar, inclusive, no processo de expansão pelo qual passa a saúde mental municipal. “A ideia é que a gente leve a saúde mental para todas as pessoas de Campina Grande, porque a gente não adoece somente fisicamente, mas também psicologicamente. E a pandemia veio para mostrar isso. Nós precisamos cuidar dessas pessoas. Então nós ficamos extremamente felizes por essa inciativa de fazer essa doação para que a gente possa executar o trabalho com maior qualidade e eficiência para o usuário”, disse Juliana.

Codecom

Compartilhar