Autor: Notícias PMCG

Romero comemora habilitação de 21 novos leitos de UTI para Campina Grande pelo Ministério da Saúde

Os hospitais de Campanha e o da Criança são as unidades contempladas. Total de recursos ultrapassa R$ 2,1 milhões O prefeito Romero Rodrigues comemorou, nesta quarta-feira, 6,  portaria do ministro Nelson Teich, da Saúde, publicada no Diário Oficial da União (DOU). Pelo alto, Teich formaliza a habilitação de 21 leitos de Unidade de Terapia Intensiva […]

06/05/2020 18h22 Atualizado há 3 anos

Os hospitais de Campanha e o da Criança são as unidades contempladas. Total de recursos ultrapassa R$ 2,1 milhões

O prefeito Romero Rodrigues comemorou, nesta quarta-feira, 6,  portaria do ministro Nelson Teich, da Saúde, publicada no Diário Oficial da União (DOU). Pelo alto, Teich formaliza a habilitação de 21 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para o Município de Campina Grande, exclusivamente para atendimento a pac ientes vítimas da Covid-19. Os recursos destinados pelo governo federal diretamente para a Prefeitura para este fim são da ordem de R$ 3,2 milhões.

As duas unidades contempladas com os recursos para instalação e custeio das UTIs são o Hospital da Criança (oficialmente, Dr. Severino Carvalho) e o Hospital de Campanha, em fase de conclusão. Para o Hospital da Criança, foram habilitados seis leitos, cujo custo definido pelo Ministério da Saúde é de R$ 864 mil. Já para o novo Hospital de Campanha, construído na área interna do Hospital Pedro I, o investimento nas UTIs habilitadas é de 2.160,000,00 (dois milhões, cento e sessenta reais).

Segundo a portaria de Nelson Teich, a habilitação dos novos leitos de UTIs para as unidades ocorrerá excepcionalmente pelo prazo de 90 dias, podendo ser prorrogada. Finalizada a situação de emergência de saúde pública, de importância internacional decorrente do Coronavírus (COVID-19), essas habilitações poderão ser encerradas a qualquer tempo

O ato ministerial também dá conta de que o Fundo Nacional de Saúde adotará as medidas necessárias para a transferência, regular e automática, do montante estabelecido no art. 2º, aos Fundos Estadual e Municipais de Saúde, em parcela única, mediante processo autorizativo encaminhado pela Secretaria de Atenção Especializada à Saúde.

Abaixo, o link com a portaria na íntegra do ministro Nelson Teich:

http://www.in.gov.br/web/dou/-/portaria-n-1.088-de-4-de-maio-de-2020-255462259

Fonte: Codecom


Ao continuar navegando no nosso portal, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Para ter mais informações, acesse nossa página de Política de Privacidade

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support