Autor: Notícias PMCG

Seagri quer vacinar todo rebanho bovino de Campina contra Aftosa até 31 de julho

Com um estoque de aproximadamente 1.100 doses de vacina, a Secretaria municipal de Agricultura (Seagri) espera imunizar contra a febre Aftosa, até o dia 31 de julho de 2020, todos os rebanhos de bovinos e bubalinos pertencentes aos pequenos agricultores radicados na zona rural de Campina Grande. Inicialmente, este prazo era até 30 de junho. Esta […]

01/07/2020 13h28 Atualizado há 3 anos

Com um estoque de aproximadamente 1.100 doses de vacina, a Secretaria municipal de Agricultura (Seagri) espera imunizar contra a febre Aftosa, até o dia 31 de julho de 2020, todos os rebanhos de bovinos e bubalinos pertencentes aos pequenos agricultores radicados na zona rural de Campina Grande. Inicialmente, este prazo era até 30 de junho. agEsta estimativa é do próprio secretário da Agricultura, médico Renato Benevides Gadelha, com base no sucesso obtido pela campanha realizada no ano passado, cuja cobertura da vacinação contra a febre Aftosa alcançou a quase totalidade dos animais criados nos sítios e assentamentos dos distritos de Galante, Catolé de Boa Vista e São José da Mata. agrA febre Aftosa é uma doença infecciosa altamente contagiosa que atinge animais de cascos bipartidos de todas as idades. A sua transmissão se dá pelo ar, água e alimentos contaminados. Os primeiros sintomas são febre alta, falta de apetite e feridas ao redor dos cascos e das tetas. Essas males também afetam o leite e a carne dos animais.  agricDe acordo com normas estabelecidas pela Defesa Agropecuária do Estado da Paraíba, todos os bovinos e bubalinos (búfalos) devem ser vacinados contra a febre Aftosa, independentemente da idade do animal.

Os proprietários dos rebanhos, por seu turno, têm prazo de até 10 dias, a contar da data da vacinação, para apresentar à Defesa Agropecuária o documento chamado de Anexo 13, acompanhado do frasco da vacina, para comprovar que realmente seus animais foram imunizados contra a febre Aftosa. Do contrário, estarão sujeitos às sanções legais.

A campanha contra a febre Aftosa, segundo o secretário Renato Gadelha, é bancada em sua totalidade pela Prefeitura municipal de Campina Grande, desde a aquisição dos medicamentos até à sua respectiva aplicação, por intermédio dos profissionais da Seagri.

Segundo fez questão de frisar o secretário Renato Gadelha, todas as ações desenvolvidas pela Secretaria municipal da Agricultura de Campina Grande contam com o irrestrito apoio de prefeito Romero Rodrigues, que, inclusive, é agrônomo por formação.

A equipe de vacinação é composta por Pedro Vinícius Vitorino (médico veterinário), João Paulo da Silva (técnico em Agropecuária),  Josenilson Belmont de Brito (zootecnista), Jonas Avelino (técnico agrícola) e os acadêmicos em Medicina Veterinária Alan Carvalho e Eduarda Almeida.

Fonte: Codecom


Ao continuar navegando no nosso portal, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Para ter mais informações, acesse nossa página de Política de Privacidade

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support