Autor: Notícias PMCG

Secretaria de Saúde realiza testes de pessoas em situação de rua

A Secretaria de Saúde de Campina Grande realizou nesta quarta-feira, 8, uma ação de testagem rápida com pessoas em situação de rua no Centro da cidade. Foram aplicados 30 testes e duas pessoas apresentaram resultado positivo para a Covid-19, mas já estão fora do período de transmissão. “As pessoas que positivaram não vão precisar ser […]

09/07/2020 15h26 Atualizado há 3 anos

A Secretaria de Saúde de Campina Grande realizou nesta quarta-feira, 8, uma ação de testagem rápida com pessoas em situação de rua no Centro da cidade. Foram aplicados 30 testes e duas pessoas apresentaram resultado positivo para a Covid-19, mas já estão fora do período de transmissão.

“As pessoas que positivaram não vão precisar ser internadas porque já estão fora do período de transmissão, mas vamos intensificar esse acompanhamento semanalmente a fim de proteger esse grupo de pessoas em vulnerabilidade”, disse o Secretário de Saúde, Filipe Reul. pessoal-de-ruaA Secretaria de Saúde, através do Consultório na Rua, vai continuar aplicando os exames nas pessoas em vulnerabilidade nas outras localidades onde esse público costuma se abrigar. O Consultório na Rua também já distribuiu máscaras, álcool em gel, preservativos, realizou vacinação e aferição de pressão arterial, temperatura corporal e análise clínica dessas pessoas.

Além dessa ação, a Secretaria Municipal da Assistência Social (Semas) também vem executando um plano de ação para esse público, levando o projeto Banho de Cuidados aos pontos com mais pessoas em situação de rua e distribuindo refeições. Já foram entregues 3,5 mil refeições. pessoal-de-rua-2A Semas também está acolhendo essas pessoas com todo um protocolo de prevenção na Unidade Irmã Zuleide Porto. A equipe distribui kits de higiene para aquelas pessoas que não querem deixar as ruas. O Centro POP realiza ainda a chamada busca ativa, em locais descentralizados, à procura de pessoas que necessitam do amparo social do Poder Público.

Campina Grande tem cerca de 100 pessoas, em situação de vulnerabilidade, vivendo nas ruas. Outro trabalho realizado foi com os venezuelanos que chegaram à cidade. Mais de 50 venezuelanos foram abrigados no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo (SCFV). Todos foram vacinados, fizeram testes rápidos e nenhum apresentou infecção pelo novo coronavírus.

Fonte: Codecom


Ao continuar navegando no nosso portal, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Para ter mais informações, acesse nossa página de Política de Privacidade

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support