Autor: Notícias PMCG

Secretário de Educação recebe secretário de Saúde, Filipe Reul, em visita à Seduc

Abertura do ano letivo continua prevista para 18 de fevereiro com retomada do ensino remoto O secretário de Educação de Campina Grande, Raymundo Asfora Neto, recebeu na manhã desta terça-feira, 12, a visita do secretário de Saúde, Filipe Reul. Em pauta, a retomada das aulas no ensino municipal e as estratégias para a flexibilização gradual […]

12/01/2021 15h43 Atualizado há 2 anos

Abertura do ano letivo continua prevista para 18 de fevereiro com retomada do ensino remoto

O secretário de Educação de Campina Grande, Raymundo Asfora Neto, recebeu na manhã desta terça-feira, 12, a visita do secretário de Saúde, Filipe Reul. Em pauta, a retomada das aulas no ensino municipal e as estratégias para a flexibilização gradual das atividades presenciais na rede pública de ensino. Durante a reunião, os secretários dialogaram sobre o panorama da Covid-19 em Campina Grande e o reforço das ações intersetoriais.

De acordo com o secretário municipal de Educação, Raymundo Asfora Neto, é importante a integração entre as secretarias, especialmente durante a pandemia.

“Uma das grandes orientações que o prefeito Bruno tem dado é no sentido de as secretarias dialogarem mais para desenvolverem ações intersetoriais. Então, nesse primeiro momento de contato com o secretário Filipe Reul, foi no sentido do desenvolvimento dessas parcerias, como a questão da saúde mental dos profissionais da rede. Vamos trabalhar com intensidade nesta área, que já vinha ocorrendo na gestão do prefeito Romero Rodrigues, mas agora passa a ser também uma grande prioridade por determinação do prefeito Bruno Cunha Lima e o acompanhamento também da primeira-dama (Juliana Brito) que é psicóloga e tem essa preocupação”, explicou.

A questão do retorno das aulas presenciais também foi discutida. “Naturalmente tratamos também do calendário de retomada das aulas presenciais. É indispensável esse diálogo intersetorial para estabelecer um protocolo que entenda a urgência desse retorno, mas que também considere a segurança dos alunos e profissionais da Educação”, disse Asfora Neto.

Para o secretário municipal de Saúde, Filipe Reul, a flexibilização do ensino continua em discussão inicial. “É uma visita com o objetivo de realizarmos a integração das secretarias de Saúde e Educação. Iniciamos uma discussão em relação a essa retomada das aulas presenciais no município, apresentando números sobre a doença na cidade. É uma discussão inicial para que a gente tenha um posicionamento técnico da Saúde e que a Educação possa ter amparo sobre o retorno ou não das aulas presenciais no início deste ano. Vamos continuar as discussões com a  equipe técnica, para que possamos dar um posicionamento nos próximos dias à população de Campina Grande”, esclareceu.

Para os profissionais de Educação – Entre as novidades tratadas durante a reunião também foi discutido sobre o calendário de formações continuadas, que acontece durante todo o ano. Uma das iniciativas, para este ano letivo, será a estruturação da Formação em Saúde Mental dentro do Programa Saúde na Escola (PSE), que tornará a formação mais estruturada e amplamente debatida entre os profissionais.

Fonte: Codecom


Ao continuar navegando no nosso portal, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Para ter mais informações, acesse nossa página de Política de Privacidade

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support