Autor: Notícias PMCG

Seduc realiza oitava edição do Seminário Municipal de Educação na próxima terça-feira

A partir deste mês o campinense passa a contar com uma ajuda extra na hora da compra da cesta básica mensal. A novidade vem do Procon de Campina Grande que ampliou de dez para 62 o número de estabelecimentos visitados durante a pesquisa mensal da Cesta Básica Regional. “Com este novo formato de apresentação da […]

30/01/2020 18h01 Atualizado há 3 anos

A partir deste mês o campinense passa a contar com uma ajuda extra na hora da compra da cesta básica mensal. A novidade vem do Procon de Campina Grande que ampliou de dez para 62 o número de estabelecimentos visitados durante a pesquisa mensal da Cesta Básica Regional.

“Com este novo formato de apresentação da pesquisa de cesta básica do Procon Municipal, estamos aprimorando a  metodologia e aumentando o universo pesquisado para oferecer ao consumidor de Campina Grande mais opções e uma maior precisão nas informações apresentadas”, explica Rivaldo Rodrigues coordenador executivo do Procon.imagemSegundo o levantamento realizado no período de 7 a 25 deste mês a Cesta Básica Regional custou ao campinense um valor médio de R$ 527,41, em comparação com o mês de dezembro de 2019, cujo preço foi R$ 524,33 constata-se um aumento de R$ 3,08, ou seja, 0,6%.

Por meio da pesquisa, disponível no site https://procon.campinagrande.pb.gov.br/ o campinense pode constatar que tem produto de limpeza que chega a sofrer uma variação de preços de 642,4%, como é o caso do sabão em barra. Dentre os hortifrúti o abacaxi se destacou com preços que variam de R$ 1,60 a R$ 8,19. Também chama a atenção o valor da dúzia de ovos brancos, o produto pode ser encontrado por preços que vão de R$ 4,50 a R$ 10,90.

“Essa diferença grande de preços que alguns produtos apresentam só reforça nosso conselho, para economizar nas compras só fazendo antes uma boa pesquisa”, disse Rivaldo.

A pesquisa do Procon não levou em consideração a marca dos produtos, mas o menor preço praticado pelo estabelecimento no momento da visita dos pesquisadores. Ao acessar o material, além de toda informação referente a preços, o campinense terá a disposição os endereços de cada estabelecimento visitado, para facilitar no momento das compras. Quaisquer dúvidas ou sugestões para melhorar as pesquisas do órgão, o consumidor pode enviar por WhatsApp 98185-8168.

Fonte: Codecom

Ao continuar navegando no nosso portal, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Para ter mais informações, acesse nossa página de Política de Privacidade

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support